O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma das maiores causas de sequelas permanentes que geram diversas limitações funcionais. 

É comum após o AVC os pacientes sofrerem alterações posturais causadas pela espasticidade (hipertonia elástica) que influenciam negativamente na movimentação e contribuem para contraturas e deformidades dolorosas. Estas alterações podem ser acentuadas com a postura ao dormir; geralmente o ser humano passa horas na mesma posição quando dorme.

Sendo assim, necessita-se da utilização de algumas posturas de inibição reflexa que podem impedir a instalação ou a intensificação deste padrão postural patológico.

• É interessante fazer o uso de travesseiros que evitem o padrão flexor nas articulações dos membros superiores e que evitem o padrão extensor nos membros inferiores.

• Para ajudar neste ajuste, na postura de decúbito dorsal (barriga para cima) pode-se colocar travesseiros abaixo do joelho evitando estendê-lo completamente e na ponta do pé para permitir a dorsiflexão.

• Já os membros superiores, é ideal que fiquem um pouco abduzidos, com cotovelo ao lado do corpo em extensão e com a articulação do ombro bem alinhada ao corpo.

 

Gostou da dica? Então compartilha esta postagem com pessoas que precisam desta informação.